Home / Turismo / Turismo Assustador: Mansão Woodchester (Inglaterra)

Turismo Assustador: Mansão Woodchester (Inglaterra)

Mesmo olhando de longe ainda que seja um dia ensolarado, Woodchester Mansion (Mansão Woodchester) se parece bastante com as clássicas casas mal-assombradas. Este imenso prédio de pedra com suas janelas escuras, olham de maneira ameaçadora para o Woodchester Park.

Sobre o local

A Mansão Woodchester foi construída para substituir uma antiga casa de campo chamada Spring Park, que havia sido construída no início do século 17. A propriedade em si tem origens ainda mais antigas, cuja evidência de ocupação remonta aos tempos pré-romanos.

O prédio foi construído por William Leigh, que comprou Spring Park e decidiu derrubá-lo para construir a Mansão. O dinheiro de William acabou antes que o prédio ficasse pronto e morreu em 1873. A construção permaneceu na posse da família Leigh até 1938 quando foi vendida. Na década de 1940, as forças americanas e canadenses ficaram no local até o fim da guerra. Agora a propriedade pertence ao Woodchester Trust que está tentando devolvê-lo ao seu estado original.

As Lendas

De acordo com a lenda, Sir Rupert, herdou Spring Park depois de matar seu primo. Vários moradores locais relataram ter visto um cavaleiro sem cabeça. Um caixão também foi observado pairando acima de um dos lagos da propriedade, que possivelmente pertencia a um frade dominicano que se matou se afogando. Mais recentemente, em fevereiro de 2004 e setembro de 2005 foram relatados avistamentos de um cão preto dentro da própria mansão que parecia coincidir com a morte de indivíduos intimamente associados ao edifício.

Em 1902, um vigário local viu uma aparição estranha nos portões da mansão, e nunca mais voltou ao prédio. Poucos anos depois, um cavaleiro fantasma também foi visto em um carro vestido com roupas de guerra civil. Mas é a própria Mansão que é o epicentro de várias assombrações.

Um Passeio Pela Mansão

Quando você entra pela porta da frente, é como se você fosse transportado de volta para o fim dos anos 1800, já que o lugar é essencialmente uma construção vitoriana. Prestando mais atenção no lugar, você pode ver lareiras suspensas no meio do ar, portas que levam a lugar nenhum e um estranho e ondulado piso. Alguns dos quartos ainda possuem as ferramentas e os equipamentos que foram abandonados no trabalho. Durante a sua construção, houveram sete mortes, sendo seis por acidentes e uma por assassinato.

A mansão tem sua própria capela iluminada por dois grandes vitrais. Uma das histórias mais intrigantes que cercam a capela envolve “rituais satânicos”, que dizem ter acontecido principalmente durante a década de 1980. A esquerda da capela principal, o corredor leva para o que teria sido o quarto do empregado. Há ainda uma pequena capela privada, destinada ao uso pessoal de Leigh.

Em mais de uma ocasião, os visitantes da capela testemunharam o fantasma de um homem pequeno de pé na entrada. Esta figura aparentemente estaria olhando para os dois grandes vitrais ornamentados, como se estivesse preocupado com seu mau estado de conservação, já que boa parte dos painéis de vidro está faltando ou quebrada. Outros visitantes também afirmaram ver pedras e outros pedaços de alvenaria sendo jogados pela sala.

Saindo da capela principal, entramos em um corredor que passa pela capela menor. Este corredor tem sido o local de uma série de avistamentos de um “homem alto” desconhecido. Esta figura estranha foi vista de pé em uma extremidade, ao lado da porta que leva à lavanderia. Esta figura não permanece apenas em um único local, já foi visto também caminhando pelo corredor que leva a capela, embora nunca tenha sido visto entrando nela.

Na escrivaninha se você chegar bem perto, é possível ouvir o som de uma voz de mulher cantando uma música popular irlandesa. Como a Mansão Woodchester nunca foi ocupada por muito tempo, não se acredita que espíritos possam estar lá por sua causa, mas sim que os espíritos residentes estão conectados a residência anterior, Spring Park.

Sabe-se que a cozinha e a copa de Woodchester ocupam o mesmo local da antiga residência. Vale notar que o piso da copa e cozinha parecem ser muito mais antigos o edifício em si.

Atravessando a passagem, entramos na cozinha de Woodchester, aqui se encontra o relógio destinado à torre principal da mansão. Uma das histórias de fantasmas mais famosas sobre a propriedade diz respeito a este relógio, que parece funcionar por conta própria, badalando, mesmo quando o relógio não está em funcionamento.

O espírito de uma jovem menina foi visto em várias ocasiões correndo para cima e para baixo pelas escadas até o primeiro andar. A escada está posicionada quase no mesmo lugar que estava em Spring Park, então é possível que o espírito da menina também possa ser desse período. Quando você sobre as escadas e chega no primeiro andar, olhando para seu lado direito, pode ser que você consiga ver outros dois fantasmas que foram relatados estarem lá. O primeiro, é de um homem que é pouco conhecido, exceto pelo fato de saber que está sendo observado. O segundo é um homem bem pequeno, geralmente vestido de preto e usando um chapéu.

Voltando pelo corredor, “ocupado” pelo fantasma do homem desconhecido, vamos em direção ao que ficou conhecido como a seção “Segunda Guerra Mundial”, já que soldados americanos e canadenses ocuparam essa parte da mansão durante a guerra. Alguns dos lagos do Woodchester Park foram utilizados para treinamento e preparação para os desembarques do dia D.

Durante um dos exercícios, enquanto se testava a força de uma ponte, ela entrou em colapso e um tanque e 20 soldados caíram no lago. Os soldados morreram esmagados pelo tanque, ou por pedaços da ponte que caíram sobre eles.

Alguns visitantes chegaram a detectar a presença de pessoas em uniforme militar e ouvir músicas da década de 1940, além disso também já sentiram cheiro de bacon frito.

A adega da Mansão Woodchester é considerada a parte mais assombrada do prédio. Os quartos de teto alto e com pouca iluminação, dão ao lugar uma atmosfera assustadora. Lá houveram várias manifestações, mas a mais comum e assustadora era de um “anão esfarrapado”.

Woodchester Mansion, Nympsfield, Stonehouse, Gloucestershire GL10 3TS

Aberto de sexta a domingo até 22 de outubro de 2017.
A Mansão tem uma equipe de voluntários que fazem o tour guiado pelo lugar, mas em algumas ocasiões não há voluntários disponíveis, então é bom entrar no site oficial e verificar antes de tentar a visita.
Site oficial: http://www.woodchestermansion.org.uk
Preços: Adulto: £8.00
Estudantes: £7.00
Crianças menores de 14 anos (acompanhadas dos pais): Grátis

Veja também

Os fantasmas do Hotel Fairmont Banff Springs [Canadá]

Quando a construção da Ferrovia do Pacifico Canadense foi terminada em 1855, a companhia construtora …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by themekiller.com