Home / Mitos e Lendas / 8 Mitos e lendas da Europa Oriental que você provavelmente não conhece

8 Mitos e lendas da Europa Oriental que você provavelmente não conhece

A maior parte dos mitos e lendas da Europa Oriental são sobre criaturas assustadoras e sinistras. A Romênia por exemplo, nos trás as histórias de vampiros. Mas e a respeito de outros seres menos conhecidos? Na Europa Oriental temos uma riqueza folclórica enorme. Aqui vou citar apenas 8 delas.

A maior parte dessas lendas, surgem exatamente por causa da paisagem única da região, que usam as densas florestas e terras estéreis para criar contos interessantes e assustadores.

1 – O Strigoi (Romênia)

O mito do Strigoi foi quem deu origem a várias lendas sobre vampiros e lobisomens. Assim como os vampiros, os Strigoi são seres sobrenaturais que habitam o período noturno, com o adicional de que podem mudar de forma e se transformar na criatura que desejam. Ah, eles também podem ficar invisíveis. E o que eles querem afinal? Apenas sangue humano.

Uma garota romena, disse em 2004 que um Strigoi tomou a forma de seu tio morto. A família então desenterrou seu cadáver, tirou o coração dele e o queimou.

2 – Domovoi (Rússia)

Na Rússia, acredita-se que em todas as casas há um Domovoi. Os Domovoi são pequenas criaturas peludas, que raramente são vistas, mas que todos acreditam estar lá, geralmente vivendo atrás do fogão. Você deve tratá-los bem, caso contrário eles podem começar a acordar as pessoas a noite, quebrar coisas da casa ou até estrangular alguém durante o sono.

O que os Dmovoi querem na realidade é apenas respeito. Se você tratá-los bem e dizer coisas agradáveis sobre eles, eles protegem a casa. Mas, caso você ignore sua existência, deixe a casa bagunçada ou tem uma família que briga em excesso, eles literalmente destroem o lugar.

3 – Hastrman (Polônia)

O Hastrman é um mostro de oportunidade. Na mitologia polaca, o Hastrman (ou Bubak) sequestra e come crianças ou adultos. Seu principal método é ficar vagando pelas margens dos rios em noites de lua cheia e ficar chorando, como se fosse uma criança ferida.

Quando ele não está sequestrando e comendo pessoas, ele pega roupas para agasalhar as almas que ele pegou.

4 – Koschei, o Imortal (Eslováquia)

Koschei, o Imortal aparece em uma enorme quantidade de contos folclóricos eslavos. Sua imortalidade foi ganha pela remoção da sua alma. Sua alma então foi escondida em uma agulha, que foi colocada dentro de um ovo, que ele colocou em um coelho, esse coelho foi colocado dentro de um pato e, por fim esse pato foi enterrado na terra, dentro de um baú de ferro.

Seu medo da morte era tanto, que ele para fugir dela tomou todas essas precauções. A única maneira de acabar com o Koschei, é destruindo a agulha que aprisiona sua alma.

5 – Rusalki (Rússia)

Dependendo da região da Rússia, Rusalki podem aparecer como lindas mulheres nuas ou senhoras velhas e peludas. As Rusalki são espíritos de crianças que morreram antes de serem batizadas ou mulheres que morreram afogadas. Supostamente, esses seres vivem embaixo da água e emergem uma vez por ano onde ficam por uma semana aterrorizando os moradores da região.

Uma vez que estão em terra, vivem principalmente nas florestas. Se por acaso você encontrar uma delas, é melhor que esteja com algum lenço para lhe oferecer, caso contrário elas podem lhe pegar, afogar e levá-lo para a casa dela.

Rusalki podem ser conhecidos como Sereias, que seduzem homens e acabam por levando-os para a água, onde enrolam seus longos cabelos e afogam o ser humano.

6 – Urias (Romênia)

Os Urias são uma raça antiga de gigantes. De acordo com as histórias, na Páscoa, no Natal ou no dia 23 de Abril é quando você pode encontrar fogo queimando, nos lugares onde os Urias estão enterrados.

De acordo com a mitologia romena, os Urias foram os primeiros habitantes da terra. Eles eram seres gigantes que viviam pacificamente com os humanos, até que um dia Deus em sua ira inundou a terra na tentativa de recomeçar a sua criação. Apenas Noé e sua família, assim como os animais que estavam na arca sobreviveram. Diz a lenda que onde os Urias estão mortos, há uma grande quantidade de riquezas. Será que um dia serão descobertas?

7 – Krakonoch (República Checa e Polônia)

O Krakonoch é bastante parecido com um Yeti. Ele teoricamente vive nas montanhas entre a República Tcheca e a Polônia. É um ser imprevisível. Num dia ele pode matar um monte de pessoas que estão caminhando e, no dia seguinte salvar alguém que se perdeu na neve.

A melhor opção é não se arriscar se aventurando na neve. Nunca se sabe o que pode acontecer.

8 – Vodyanoy (Eslovênia)

Na mitologia, os Vodyanoy vivem sozinhos. Acredita-se que é para que eles não percam o foco na sua principal tarefa, que é matar pessoas inocentes afogadas. Se você resolver ir nadar após o sol se por, é melhor fazer o sinal da cruz antes de mergulhar. Faça o mesmo se resolver dar uma volta ao redor de algum lago. Fique atento, pois um Vodyanoy pode estar a espreita.

Veja também

Ninmenju – Um demônio japonês que é uma árvore com flores que parecem cabeças humanas

O Ninmenju é uma árvore estranha do folclore japonês que se diz ter flores que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by themekiller.com