Home / Conspiração & Teorias / Sociedade Vril

Sociedade Vril

Você já ouviu falar de algumas sociedades secretas com certeza, mas já ouviu algo a respeito da Sociedade Vril? Neste post, vou falar um pouco a respeito. Esse é um assunto relativamente problemático porque não existe prova real de que ela realmente tenha existido.

Raízes

Em 1870, Edward Bulwer-Lytton publicou um livro de ficção chamado: “O Poder da Raça Futura”, que descreve uma raça subterrânea de criaturas parecidas com os anjos e sua misteriosa força de energia, Vril, um “fluido” de poder ilimitado. A história conta que as pessoas, chamadas Vril-ya, são capazes de controlar essa fonte de energia com a mente tanto para fazer o bem quanto o mal. E, ainda de acordo com a história, esses seres estão superlotando o interior da Terra e prestes a sair de lá em busca de mais espaço. Mas claro que para isso acontecer e eles possam construir sua civilização aqui em cima, os humanos precisarão ser destruídos.

O livro foi um sucesso absoluto de vendas e foi também responsável por uma onda de especulações de que a Terra seria oca e cheia de alienígenas. Os Vril-ya poderiam ser os descendentes de Atlântida que conseguiram escapar para o interior da Terra antes do dilúvio que destruiu a cidade. A partir daí, o termo Vril passou a ser usado como uma descrição para “elixir da vida”.

A Sociedade

Em 1935, o cientista alemão e autor de ficção Willy Ley fugiu da Alemanha nazista e foi para os Estados Unidos. Alguns anos depois ele escreveu um artigo que mencionava existir um grupo chamado Wahrheitsgesellschaft (Sociedade para a Verdade) que havia se formado para procurar a existência real do Vril. Com base no artigo, outros pesquisadores afirmaram que uma verdadeira Sociedade Vril existia na Alemanha, antes e depois da Segunda Guerra Mundial.

Em 1960, Jacques Bergier e Louis Pauwels publicaram seu livro especulativo, “Morning of the Magicians”, em que fizeram reivindicações sobre a Sociedade Vril em Berlim, sendo precursores da Sociedade Thule e do Partido Nazista. Outros afirmaram também que a Sociedade teria realmente conseguido contato com com os Vril-ya e que os nazistas teriam até chegado a construir um disco voador movido a Vril, o V-7, que supostamente teria feito um voo para Praga em 1945.

Os membros da Sociedade Thule foram supostamente o primeiro grupo a tentar a engenharia reversa de uma espaçonave extraterrestre. O escritor alemão, John Von Helsing, descreveu que um disco acidentado foi encontrado na Floresta Negra em 1936 e que a tecnologia existente nela foi estudada. A combinação dessa tecnologia com o conhecimento adquirido pela Sociedade, gerou um projeto chamado Haunebu.

O historiador Henry Stevens afirma: “Haunebu 1 foi supostamente o primeiro grande disco voador desenvolvido na Alemanha. De acordo com planos obtidos de arquivos alemães classificados da SS, o Haunebu 1 tinha aproximadamente 25 metros de diâmetro e provavelmente decolou pela primeira vez em agosto de 1939, algumas semanas antes do início da Segunda Guerra Mundial”.

Quando a guerra acabou, os membros da Sociedade Vril pegaram seus discos voadores e seguiram para uma base subterrânea na Antártida. Alega-se também que em 1942 os nazistas tenham chegado a Lua, onde construíram uma base subterrânea que até hoje existe.

Como eu escrevei, não há muitas informações diferentes das que mostrei neste post. É difícil achar mais informações interessantes a respeito desta Sociedade Secreta. Se você sabe de mais algo, comente aqui. Deixe também sua opinião sobre este assunto. Até o próximo post.

Veja também

Teoria da Conspiração: O Monumento Guidestone

Quando se vê algo a respeito de grande monumentos de pedra, a maioria de nós …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by themekiller.com